Agência Curitiba



Principais Notícias:



Missão internacional conhece o projeto do Vale do Pinhão - 09/06/17

Os participantes do I Congresso Internacional da Onward, que está em missão técnica na cidade, conheceram nesta manhã o projeto do Vale do Pinhão e as instalações do Engenho da Inovação no bairro Rebouças. Os participantes também fizeram parte, ao longo desta semana, de uma missão técnica para conhecer o modelo de gestão da capital paranaense.

Criada há 15 anos, a Onward é uma organização dedicada à integração das cidades, cooperação técnica e ao desenvolvimento sustentável na América Latina. O presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação apresentou o projeto do Vale do Pinhão, enfatizando o esforço de Curitiba para fomentar o ecossistema da inovação e a diretriz da atual gestão de incentivar ao desenvolvimento de novas tecnologias. “A visita da delegação reforça um dos pilares do Vale do Pinhão, que é a internacionalização. Deste tipo de encontro surgem parcerias e colaborações internacionais”, comentou Frederico Munhoz da Rocha Lacerda, presidente da Agência Curitiba de Inovação e Desenvolvimento.

“Estamos muito impressionados com as soluções que Curitiba desenvolve para a cidade e como ela consegue manter e evoluir por décadas. O projeto do Vale do Pinhão é inspirador, no Panamá não temos nada parecido, apenas algumas ações feitas por iniciativa das universidades, mas não do poder público”, comenta Felix Gonzalez Polar, presidente do Onward Internacional.

Além do Vale do Pinhão a missão internacional conheceu os trabalhos do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), Urbanização S.A (Urbs), a Central de Abastecimento do Paraná S.A (Ceasa) e a Rua da Cidadania do Pinheirinho.

“Estamos levando os representantes dos oito países para visitarem os principais órgãos da cidade, fortalecendo as relações de Curitiba com a América Latina. Esse encontro está sendo realizado com a parceria de todos, sem custo para Prefeitura e órgãos envolvidos”, disse João Cordeiro, administrador da regional do Pinheirinho e organizador da comitiva.

www.curitiba.pr.gov.br

Fotógrafa: Lucilia Guimarães / FCC




Empresas apoiam o Prêmio Empreendedora Curitibana - 25/05/17

A Agência Curitiba de Desenvolvimento fechou novas parceria com importantes empresas que apoiam a causa do empreendedorismo feminino em Curitiba. Na última semana, mais empresas se juntaram ao prêmio Empreendedora Curitibana promovido pela Agência para reconhecer mulheres que estejam no comando de micro e pequenas empresas (MPEs), microempreendedoras individuais (MEI) ou que tenham uma ideia empreendedora. As inscrições vão até 15 de junho.

Na última semana, assinaram o termo de patrocínio do prêmio João Vicente Vitola e Ademar Ferreira, da Quanta Diagnóstico e Imagem, Adriane Marques, consultora de imagem, e Raphael Manzoni, da Gráfica Comunicare.

“O edital de patrocínio está aberto e estamos recebendo vários contatos de empresas que apoiam e investem na iniciativa local, em especial nas mulheres empreendedoras, que representam uma parcela crescente na iniciativa e comando das novas empresas.”, comenta Patrícia Betenheuser, coordenadora do Prêmio Empreendedora Curitibana 2017.

Outras informações podem ser obtidas no site http://www.agencia.curitiba.pr.gov.br/empreendedorismo#empreendedora-curitibana ou pelo e-mail: empreendedoracuritibana@agenciacuritiba.com.br

www.curitiba.pr.gov.br

Fotógrafo: Cido Marques / FCC




Vale do Pinhão tem palestra sobre o Centro de Controle do Rio de Janeiro - 24/05/17

Representantes dos governos da Bolívia, Chile, Equador e Peru que participam do Smart City Business America 2017 se reuniram com representantes da Guarda Municipal, Defesa Civil e órgãos municipais nesta quarta-feira (24/5), no Engenho da Inovação, para uma palestra sobre o Centro de Controle da cidade do Rio de Janeiro (COR). A palestra faz parte das ações do projeto Vale do Pinhão de integrar e compartilhar iniciativas inovadoras de outras cidades com Curitiba.

O palestrante convidado foi o coordenador de Comunicação do Centro de Operações, Pedro Martins, que já esteve em várias posições operacionais dentro do órgão. Martins ressaltou a importância do Centro de Controle e principalmente a integração necessária entre os órgãos que ali estão.

“Se a gente não integrar pessoas, processos e sistemas não temos um Centro de Controle de verdade. Além de controlar é uma importante ferramenta de integração pública”, comentou.

O COR foi criado em 2010 após uma grande chuva que atingiu diversos bairros da capital fluminense. O espaço foi criado para integrar os serviços públicos, centralizar as ações, prever e planejar os serviços essenciais.

Hoje mais de 500 profissionais trabalham no centro de controle, 24 horas por dia, todos os dias da semana, acompanhando a movimentação da cidade, protestos, ocorrências, de forma preventiva ou corretiva.

As informações de trânsito, bloqueios, atendimentos e situações temporais são informadas para a imprensa e aplicativos parceiros do centro, como a plataforma de geolocalização Waze e Moovit.

“Trouxemos o coordenador do COR para compartilhar conhecimento e experiências com o nosso time e convidados. Curitiba está caminhando para ter um centro de controle com as funcionalidades e eficiência do Rio e de outros países”, disse Alexandre Hojda, coordenador do projeto de reestruturação do Centro de Controle Operacional (CCO) Curitiba pela Agência Curitiba de Desenvolvimento.

Após a palestra, os convidados foram até a sede da URBS conhecer o CCO, que controla transporte coletivo, trânsito, ambulâncias, iluminação pública e câmeras públicas.

“Estamos contentes com a acolhida e as boas práticas que conhecemos em Curitiba, certamente vão inspirar ações e trabalhos em outros países, pois os problemas são corriqueiros e muitos semelhantes” comentou Maurício Soria, prefeito da cidade chilena de Iquique.

www.curitiba.pr.gov.br

Fotógrafo: Guilherme Sell / IMAP




Vale do Pinhão apresenta o cenário de Curitiba nas cidades inteligentes - 24/05/17

O projeto do Vale do Pinhão foi o ponto central do painel O Status de Curitiba no Cenário das Smart-Cities, nesta quarta-feira (24/5), último dia do evento SmartCity Business America Congress & Expo 2017. O painel foi mediado pelo diretor-técnico da Agência Curitiba, Tiago Francisco da Silva. "É importante sabermos o que a cidade fez e o que vai fazer no contexto das smart-cities", disse ele.

Na apresentação, o presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), Reginaldo Reinert, detalhou a plataforma urbana na qual está inserido o Ecossistema de Inovação proposto como um novo vetor de desenvolvimento da cidade.

"O Vale do Pinhão tem localização estratégica em um perímetro propositalmente definido em meio a ativos de fomento ao desenvolvimento e à transformação da região num grande laboratório urbano", disse Reinert.

Centro da RMC

Segundo o presidente do Ippuc, o Vale do Pinhão tem grande potencial integrador de funções e serviços e geração de divisas por ser contemplado por uma grande rede de conexão de transporte e estar no ponto central da Grande Curitiba. "O Vale do Pinhão está no centro do centro. Não existe lugar mais adequado para novas experiências como essa região. Nesse perímetro será possível ter flexibilidade na legislação urbana e de ações públicas para garantir que o Vale do Pinhão seja um laboratório de fato de forma a contribuir com a cidade e até mesmo com a formação da paisagem urbana."

Reinert lembrou que para além do fomento à tecnologia, à criação de startups, entre outras ações, o Vale do Pinhão contempla uma série de projetos de desenvolvimento urbano. Entre eles está o da implantação de um centro médico de excelência junto à Linha Verde e apoiado na estrutura hospitalar e de universidades já existente na região.

Outra obra importante na área de influência do Vale do Pinhão será a da Conectora 3. Com ela integrada à Linha Verde e às estruturais norte-sul e leste-oeste serão possíveis deslocamentos a partir de uma malha de transporte que irá consolidar a RIT entre Curitiba e seus vizinhos. "A Conectora 3 também irá conectar o antigo distrito industrial de Curitiba à Cidade Industrial promovendo a integração da inovação ao parque industrial existente na cidade", explicou Reinert.

O painel contou ainda com a apresentação da empresa ExatiTecnologia, parceira da Prefeitura no Metrogeo e em sistemas inteligentes de controle da iluminação pública; do ICI, nas áreas de TIC e 156; do Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP); e do Sebrae-PR.

www.curitiba.pr.gov.br

Fotógrafo: Guilherme Sell / IMAP



Vídeos:






Galeria de Imagens:


Foto
Engenho da Inovação
Foto
Arcos do Engenho
Foto
Paço da Liberdade
Foto
Inauguração do Engenho da Inovação
Foto
Espaço Empreendedor
Foto
Conecta Engenho I